Sinop Energia doa segunda usina de oxigênio para MT

Publicado em 29 de Novembro de 2021 ás 18h 09min

Hospital Regional Jorge de Abreu é o segundo contemplado com equipamento que auxilia no atendimento à população. A Sinop Energia acaba de entregar ao estado de Mato Grosso a segunda usina de oxigênio. A ação é viabilizada pelo programa matchfunding Salvando Vidas, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O Hospital Regional Jorge de Abreu, em Sinop, foi contemplado pelo projeto.  Agora o hospital conta com o equipamento cuja capacidade de produção é de 10 metros cúbicos de oxigênio por hora. Montante suficiente para atender 20 leitos, entre UTI e enfermaria, da unidade. No total, os investimentos somam R$ 2,6 milhões. Por meio do recurso do projeto, a Sinop Energia também doou recentemente um aparelho de gasometria e um digitalizador de imagens de Raio-X para a Fundação hospitalar municipal de saúde de Itaúba e Hospital D. Nilza Pipino, do município de Cláudia, respectivamente. Os equipamentos integram o conjunto de doações da companhia ao município. Contribuem com o desenvolvimento socioeconômico local.

Responsabilidade Social

O diretor-presidente da Sinop Energia, Ricardo Padilha, ressalta a importância da doação para a companhia. “A Sinop Energia está doando mais uma usina de oxigênio para apoiar a saúde pública. Agora, o Hospital Regional Jorge de Abreu tem um equipamento próprio. Contribuirá tanto para os casos de pacientes com Covid-19, que felizmente estão reduzindo com o avanço da vacinação, quanto para as demais necessidades do hospital. A companhia espera que a usina possa ajudar a salvar a vida de muitas pessoas”, celebra Padilha sobre a chegada do segundo equipamento. O programa matchfunding Salvando Vidas foi criado pelo BNDES. Busca auxiliar hospitais no tratamento dos pacientes com Covid-19. No projeto, o banco dobra o valor doado pela empresa. Os investimentos são realizados na área de saúde. A ação é coordenada pela SITAWI do Bem, organização social responsável pela gestão dos recursos financeiros e aquisição dos itens que compõem as usinas implementadas pelo projeto em todo país.

Oxigênio para hospitais

Em 15 de setembro deste ano, a Sinop Energia doou ao município de Sinop a primeira usina de oxigênio do projeto. A unidade está na UPA Anete Maria Mota Maria. Fornece 20 metros cúbicos por hora. Produz oxigênio para até 50 leitos da unidade de pronto atendimento, 25 unidades básicas e atendendo até 100 pacientes que fazem uso domiciliar de oxigênio. Além de auxiliar no tratamento da população, o equipamento contribuiu para a economia da unidade de saúde, que até maio de 2021, já havia direcionado R$ 431 mil para a compra de oxigênio, volume 117% maior que o total gasto no ano anterior. [video width="1920" height="1080" mp4="https://www.sinopenergia.com.br/wp-content/uploads/2021/09/USINA-DE-OXIGENIO.mp4"][/video]

Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.